segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

Academia Espiritual Afro-Summer




Academia Espiritual Afro-Summer: é uma Organização Mística-esotérica que estuda conjuntos de tradições, interpretações filosóficas das doutrinas religiosas a fim de desvendar os segredos da natureza, dos Universos e da própria humanidade ancestrais africanas e mesopotâmicas. Essa Organização tem uma religiosidade voltada às tradições religiosas da nação Africana Ilésà, Òyó (Nigéria) e Egípcia (1290 - 1224 a.C), da nação Summer, (2285 - 2250 a.C.), da nação Ameríndio - Incas e da nação asiática - Caminho Búdico Tibetano - Tântrico/Vajrayana. 
Não somos religiosos, mas temos uma religiosidade. Cada o indivíduo tem a sua liberdade de pensar e agir. Cada vida deve ser vivida com Amor, prazer e bom humor para que a felicidade esteja presente no dia a dia da pessoa.
A religiosidade está presente para que o indivíduo encontre a chave para viver em equilíbrio.

Objetivo Geral:

Desenvolver e preparar profissionais com a capacidade de tratamento total do ser, como um todo, que buscam harmonizar o SER, com as mais variadas técnicas de terapias energéticas e vibracionais.

Objetivo específico:

Buscar na Arte Antiga valores culturais, revelações interessantes que a história não conta e as religiões cristãos mantém escondidas;

Promover reflexão sobre conceito contraditório, ultrapassados e valorizar o culto da razão;

Proporcionar ao ser humano o Despertar para um mundo racional, obter uma visão holística para que possa abranger um nível de inteligência multifocal;

Divulgar nova linha de pensamento sem abandonar a História de um povo ancestral;

Formar uma sociedade iniciática e filosófica;

Conscientizar a importância de preservar e valorizar a biodiversidade.

Metodologia

O Curso é apoiado em modernas tecnologias de ensino, garantindo a aplicabilidade das técnicas estudadas. A metodologia pedagógica e a didática fácil e clara auxiliam o indivíduo na fixação dos conteúdos teóricos.

Visão Cosmológica: baseada no Deus Universal. A Fonte Criadora pode ser chamada de Deusa ou Deus porque espírito não possui órgão genital, raça ou forma humana. O macho e a fêmea foram criados com objetivo de povoar a Terra e dar continuidade da vida segundo a espécie.               
A dualidade no mundo espiritual é representada por uma Deusa e um Deus para mostrar claramente a existência do equilíbrio harmônico nos Universos na sua plenitude. A polaridade feminina e masculina está presente no interior de cada ser humano. Esta energia, quando ligada plenamente na vida de alguém, cria a totalidade e o equilíbrio das energias cósmicas.
A Fonte Criadora, a Deusa-Mãe recebeu inúmeros títulos até o presente momento como: Jeová, Javé, Yahweh, Buddha Supremo, Deus, Alah, El Elah, Zambi, Olórum, Monã, Jah, El Shaddai, Yan, Senhor do Universo, Espírito Supremo, Consciência Absoluta, Deusa, Nammu, Olósà Nàná, a Grande Mãe, Suprema Consciência Cósmica do Grande Universo da nação Jeje Fon - Dahomé etc.
Jeová, Todo Poderoso, Deus, Senhor são títulos criado pelos ancestrais e teólogos patriarcais para identificar a Sabedoria Suprema Criadora, mas todos os deuses é uma só Deusa ou Deus, apenas o nome varia de região para região, épocas e culturas diferenciadas. Não importa qual o nome se dá a Soberana Suprema, pois a essência é a mesma a que muda é apenas a forma de identificá-la.
Deus Mãe/Deus Pai, o Espírito Supremo é à base de tudo. Antes de todas as coisas existirem, já havia Uno em toda extensão dos mundos paralelos. Aceitar a Fonte Criadora como a Mãe Absoluta Universal pela razão é  eminentemente filosófica; enquanto aceitá-la pela fé é uma atitude preponderamente religiosa.
Deus Filho é Uno e Múltiplo como uno e múltiplo é a sua criação. Também o Deus Filho, o Espírito Consolador foi Integrador Universal e Outorgador da mente. O Deus Pai Universal cria, controla e sustenta, enquanto que o seu Filho Eterno cria, coordena e administra. Outro Filho Eterno ministra todas as mentes, em todas as esferas. As três Divindades Absolutas são criadores conjuntos.
A maioria do ser humano tem um Deus ou uma Deusa no seu interior capaz de transformar vida. Mas, para isso é preciso que conheça o seu Eu para que possa conhecer os Universos e outras diversidades.
A iluminação ocorre naturalmente e o subproduto da consciência também. O buscador consciente sabe que a verdade está no interior e que a evolução ocorre naturalmente.
Osho um grande intelectual filósofo sugeriu um título autêntico para Deus "VIDA" porque vida contém tudo que é necessário. Cada vida é prova da sua existência não tem como argumentar, negar a vida porque é real. Vida é tudo em tudo.


Sacerdotisa responsável: Rainna Tammy



Todos os direitos reservados. Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar obras derivadas, nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão da autora. Lei 9610/98 direitos autorais do Brasil.